Linha 5 Metrô

Entrega do Pátio Guido Caloi da Linha 5 Lilás é postergada

Pátio Guido Caloi da Linha 5 Lilás (Infraroi)
Pátio Guido Caloi (Infraroi)

Pelo relatório de empreendimentos do Metrô no site da transparência, a Linha 5 Lilás já está pronta. Certo? Não, não está. O Pátio Guido Caloi, que começou a ser construído no início de 2013 e recentemente prometido para abril de 2019, foi postergado. E ele nem consta na tabela de prazos do relatório. Alô PMO do Metrô!

O prazo anterior, informado pelo Metrô via Lei de acesso a informação, foi abril/19. Perguntamos quando ele estaria plenamente pronto para poder ser operado pela concessionária ViaMobilidade.

Ontem recebemos a informação do Metrô que o novo prazo é “segundo semestre de 2019“.

De acordo com o Metrô, “A conclusão e entrega do Pátio Guido Caloi para a Concessionária ViaMobilidade está condicionada ao término dos testes de sinalização do sistema CBTC.

Nada foi falado sobre as oficinas de trens (Bloco A), administração, centro de treinamento, refeitório e etc (Bloco B), Oficina de Usinagem, Solda, Marcenaria, Base da Via Permanente (Bloco C), Almoxarifado (Bloco F). Vai saber se eles não são motivos também do atraso…

Em fevereiro apuramos que os testes de sinalização do Pátio estavam previstos para final de março – o que notadamente não aconteceu. Os testes vem sendo feitos com a Frota F também.

Vídeo de 15 dias atrás:

Antes que alguém pergunte, ambos pátios coexistirão. No Pátio Capão Redondo não cabem todos os 34 trens da linha (26 trens da Frota P e 8 da Frota F). E lembrando que o Pátio Guido Caloi pode ser expandido para abrigar mais 13 trens (Alô Jardim Ângela).

Frota F

Em fevereiro, na visita às obras da Estação Campo Belo da Linha 5 Lilás, o Presidente do Metrô, Silvani Alves Pereira, respondeu ao nosso questionamento do status da modernização da Frota F com o sistema de sinalização CBTC e ele nos disse na época que já haviam 3 trens prontos da Frota F para serem utilizados.

Ontem, quase 3 meses depois, o Metrô nos informou que apenas mais um foi liberado para a concessionária ViaMobilidade:

Quanto aos trens da Frota F, quatro deles estão liberados para o uso da operadora da Linha 5, enquanto os outros quatro passam pelo processo de comissionamento, em testes que aferem o funcionamento do sistema CBTC embarcado.”

Sobre os prazos: “Tanto a conclusão dos testes de sistemas do Pátio como o término do comissionamento das quatro composições estão previstos para o início do segundo semestre deste ano”

E quem espera letreiro eletrônico e mapa dinâmico, esquece! Eles voltarão com letreiro de lona, adesivos no lugar dos mapas dinâmicos e bancos sem revestimento.

De bom mesmo, só trarão a redução do intervalo entre os trens. E muito saudosismo para alguns.

Logo mais veremos o F08 na via 60 (via auxiliar), que está em processo de mudança na comunicação visual para ficar na cor lilás.

Frota F da Linha 5 Lilás na cor Lilás
Frota F na cor lilás (Carlos Vitor Busólogo Guarulhense)
Avatar

Fernando Galfo

É engenheiro por formação e entusiasta de obras de mobilidade urbana. Utiliza transporte individual na maioria das vezes mas acompanha e sabe da real e urgente necessidade de investimentos em infraestrutura e principalmente em transporte público aliadas com políticas públicas de redução da pendularidade do sistema de transportes

7 comentários

Clique aqui para deixar um comentário

  • Para ficar bom mesmo, além de todo o exposto só falta o Metrô reassumir a operação. Pq a Via Mobilidade opera a Linha 5 como uma CPTM, só que com equipamentos modernos.

    • Na minha opinião, a operação da LINHA LILÁS está mil vezes melhor depois que a ViaMobilidade assumiu.

      Mas aí é de cada um avaliar sua experiência.

      • O Metrô qd lá operava estava implantando trens, estações, comunicação e novo sinal. Fazendo tudo isso sem poder parar o sistema. Ou seja, tinha que trocar o pneu com o carro em movimento. Para agravar, próximo às eleições políticos, para fazerem bandeira, inaugurou 6 novas estações sem condições técnicas p tal e a operação teve que contornar tudo isso. Agora depois de implantado, sem interferência política, o que justifica o serviço não ser o prometido? Especialmente no que diz respeito ao intervalo entre trens. Com todos os traumas por conta da implantação o intervalo, ainda era melhor. Antes da precipitada inauguração do novo trecho, raramente tinha ocorrências de atraso. Portanto, não se pode comparar com situações atípicas. Devemos comparar a linha com outras já consolidada.

        • O Metrô deixou serviços incompletos na Linha 5. A frota F, que prometeu entregar pronta para a Via Mobilidade, a sinalização CBTC e as portas de plataforma. Todos esses equipamentos estão com entrega atrasada e envolvem o mesmo fornecedor. Sem esses itens entregues pelo Metrô 100% funcionais para a concessionária, não há como diminuir intervalos e ocorrências.

    • Muito mal colocada a sua opinião, poderia ser mais sensato? A ViaMobilidade tem operado muito bem a Linha 5, inclusive agora as pessoas que embarcam de manhã em Capão Redondo, tem a chance de seguir toda a viagem sentados. É uma coisa que você deveria conferir! Flw

  • No Site da ViaMobilidade, na Categoria, Conheça a Linha 5 Lilas, a Estação Campo Belo Vem Antes de Capão Redondo, Esta Errado o Correto é Depois de Brooklin e Antes de Eucaliptos.

    Obrigado.

  • O planejamento de se ter a Estação da Linha 2-Verde prevista para ir até Guarulhos como terminal da Linha 5-Lilás na Chácara Klabin é mais uma destes planejamentos capengas do Metrô, o correto seria ir até a Estação do Ipiranga a Linha 10-Turquesa da CPTM, junto com a futura Estação terminal da Linha 15-Prata, conforme estudos e projetos já feitos pelo próprio Metrô!!!

Follow on Feedly
error: Hum, não vale copiar né??