Linha 4 Metrô

Linha 4 Amarela em Taboão da Serra ainda sobrevive!

Entrada da cidade Taboão da Serra onde futuramente terá a Estação Largo do Taboão da Linha 4 Amarela
Portal da Cidade Taboão da Serra (Prefeitura)

Além de Guarulhos com a Linha 19 Celeste, outras regiões metropolitanas de São Paulo ainda aguardam o tão esperado transporte de alta capacidade: o transporte sobre trilhos. Taboão da Serra é um deles. E um recente aditivo contratual do Metrô mantém a esperança – pelo menos do projeto da nova Fase da Linha 4 Amarela.

O objeto do contrato, que foi aditivado o prazo para julho de 2019, é para elaboração de projeto básico de arquitetura e de engenharia civil entre o último poço de ventilação David Matarazzo, que está construído na fase 2 da Linha 4 e a Estação Taboão da Serra, incluindo a Estação Jardim Jussara e um novo local de manobra e estacionamento de trens após a Estação Taboão.

Estação Largo do Taboão

Vejam essa microssimulação da Estação Largo do Taboão (antiga Estação Taboão da Serra). Nela podemos ver um pouco de como seria o projeto da Estação.

 

Estação Chácara do Jockey

E aqui a microssimulação da Estação Chácara do Jóckey (antiga Estação Jardim Jussara).

Notem que temos escadas rolantes recuadas na plataforma da estação, diferente de Estações como São Paulo Morumbi.

Conclusão

Atualmente operada pela concessionária ViaQuatro, resta saber se ela tem interesse financeiro na Fase 3 da Linha 4 pois teria que ter um grande investimento na compra de novos trens e a implantação do CBTC. No contrato de concessão está prevista uma ligação de ônibus entre Taboão e a Estação Vila Sônia.

Independente da suposta pressão para realizar ou não a extensão, existe uma demanda reprimida na região por transporte de alta capacidade e acredito que a ligação por ônibus é algo paliativo.

Vamos aguardar.

Curta nossa página nossa página no Facebook e Twitter para receber nossos artigos originais e em primeira mão!

Fernando Galfo

É engenheiro por formação e entusiasta de obras de mobilidade urbana. Utiliza transporte individual na maioria das vezes mas acompanha e sabe da real e urgente necessidade de investimentos em infraestrutura e principalmente em transporte público aliadas com políticas públicas de redução da pendularidade do sistema de transportes

19 comentários

Clique aqui para deixar um comentário

  • Off Topic: Doria afirmou na rádio Band que vai determinar que uma estação de trem seja construída dentro do aeroporto de Guarulhos dando fim ao transtorno dos passageiros que chegam ou precisam embarcar.

    Penso que é hora de planejar um transporte sobre trilhos que faça a interligação entre Viracopos, Guarulhos e Congonhas o que aumentaria significativamente a eficiência dos aeroportos.

    • Seria o ideal mesmo Rogério, mas acho bem improvável, pois primeiro teríamos que ter o trem intercidades que é algo que vem sendo falado há um bom tempo. Algo alias que só acredito vendo.

  • Pena que aquela ideia de levar a Linha Amarela até o Pari tenha sido enterrada de vez pelo jeito, nunca foi falado mais nada.Seria muito importante para desafogar um pouco a Luz.

  • Boa tarde seria mt bom uma Estação no Largo do Taboão que facilitaria mt para mim e os demais .. Por tanto eu gosto 2hors pra chegar no meu trabalho no Aeroporto gongonhas Com o metro vou gastar aproximadamente 1h …

  • A estação Mackenzie e a Morumbi tinha prazo para ser entregue na copa de 2014, foi entregue em 2018 quatro anos de atraso.
    Sem falar na estação vila Sônia que também está com mais de 4 anos de atraso e sem previsão de entrega
    Agora imagine as chances de entregar alguma estação no Taboão antes de 2030… Esquece!!!!

    • Nelson você se enganou não era para ser entregue em 2014, e sim em 2008, agora a de Taboão da Serra, se o governador Doria perceber será super útil a estação, muitas pessoas irão utilizar o metro das cidade de Itapecerica da Serra-Embu – Taboão da Serra e de todos os bairros do lado de Campo Limpo e o transito ficará bem melhor.

  • A estação Mackenzie e a Morumbi tinha prazo para ser entregue na copa de 2014, foi entregue em 2018 quatro anos de atraso.
    Sem falar na estação vila Sônia que também está com mais de 4 anos de atraso e sem previsão de entrega
    Agora imagine as chances de entregar alguma estação no Taboão antes de 2030… Esquece!!!!

Follow on Feedly
error: Hum, não vale copiar né??