CPTM

CPTM inicia projeto para fornecer rede sem fio gratuita nas estações

estacao-pinheiros-wifi
Estação Pinheiros (GESP)

Depois dos totens do poupatempo, das tomadas para carregar o celular e do edital para novos quiosques, a CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) inicia o projeto de um novo serviço: rede sem fio gratuita nas estações.

Conforme informado pela assessoria de imprensa, a Estação Pinheiros da Linha 9-Esmeralda conta com o serviço – em fase de testes – de internet gratuita nas plataformas da estação desde o dia 31 de julho.

O serviço estará disponível para até 1500 passageiros simultâneos por até 15 minutos mediante cadastro com velocidade mínima de 512kbps.

As próximas estações a terem o serviço em testes serão as estações Palmeiras Barra-Funda, Luz, Brás, Tatuapé e Corinthians-Itaquera: “O serviço será testado por um ano em cada estação. Durante esse período, a CPTM realizará licitação para instalar o wifi em todas as estações”

O Ferroviando para complementar a informação traz aqui a velocidade mínima dos serviços mais utilizados nos celulares:

  • Chats de texto, e-mail e redes sociais: 50 kbps a 100 kbps
  • Streaming de música: de 384 kbps a 512 kbps
  • Streaming de vídeo:  512 kbps (média/baixa qualidade) à 5 Mbps (alta qualidade)
  • Ligações de voz: 56 kbps
  • Ligações de vídeo: entre 256 kbps e 512 kbps

Assim, a internet oferecida atende a maioria dos passageiros que na maior parte do tempo usam streaming de música e redes sociais.

Outro detalhe interessante: um trem da série 7000 da CPTM,  que é/será o padrão a linha 9 – comporta até 2008 passageiros. Digamos que tenhamos dois trens na plataforma, daria um total de 4016 passageiros. Para atingir a quantidade máxima de usuários da rede sem fio, teríamos que ter uma aderência ao serviço de 38%, o que é muito.

As pessoas já saem correndo do trem subindo as escadas rolantes e vice-versa. Não acredito que o serviço terá uma aderência tão grande. Portanto o limite máximo de 1500 usuários está de bom tamanho.

Parabéns a CPTM por mais um serviço.

 

 

Avatar

Fernando Galfo

É engenheiro por formação e entusiasta de obras de mobilidade urbana. Utiliza transporte individual na maioria das vezes mas acompanha e sabe da real e urgente necessidade de investimentos em infraestrutura e principalmente em transporte público aliadas com políticas públicas de redução da pendularidade do sistema de transportes

6 comentários

Clique aqui para deixar um comentário

  • A CPTM está cada dia mais se modernizando e correndo atrás pra alcançar o Metrô!

    Se padronizarem as estações e as composições (como de fato está) já será um grande avanço!

  • Mas essas estações todas já não possui o serviço se wifi gratuito pelo Metrô? Qual só pode ser acessado nas áreas de circulação exceto plataformas…

  • Fernando, acredito que vai ter mais conexões no WIFI nos dias em que tem maiores intervalos na linha, tipo sabado a noite, domingo dia todo e feriados.
    Só pra ter uma base, a linha 7 Rubi, possui um intervalo de aprox. de 34min aos domingos e feriados. Ou seja, a galera vai esperar o trem por um longo tempo de espera e vai aproveitar e usar o WIFI.

    • Sim. Em casos de falha também. Mas acredito que o serviço será dimensionado levando isso em consideração para cada linha/estação. Por isso até CPTM disse que será em modo de testes para que sejam feitos esses tipos de ajustes.

Follow on Feedly
error: Hum, não vale copiar né??