Linha 4 Metrô

Após adiantar prazo da Estação Vila Sônia, Metrô divulga prazo apenas “2020”

Estação Vila Sônia da Linha 4 Amarela
Estação Vila Sônia (Escritório Fernandes Arquitetos Associados)

Recentemente publicamos a informação que o Metrô havia adiantado o prazo das obras da Estação Vila Sônia da Linha 4 Amarela em 5 meses.

A previsão em maio de 2018 era apenas “2020”. Em agosto de 2018 foi divulgado que seria “novembro de 2020”. Em novembro de 2018 foi adiantado pra “junho de 2020” e hoje no relatório de empreendimentos de janeiro de 2019, o Metrô voltou a dizer que será somente “2020” sem a indicação de mês.

Confira a evolução dos prazos informados:

Obras da Estação Vila Sônia

O Metrô que me desculpe, mas os vídeos mensais divulgados no YouTube não fazem jus ao tamanho da obra, portanto deixo aqui para vocês apreciarem imagens aéreas de semana passada das obras do Terminal de Ônibus, Prolongamento do Pátio e Estação Vila Sônia que achamos no YouTube:

Ilustrações

Vejam aqui ilustrações da Estação feitas pelo Escritório Fernandes Arquitetos Associados de como será a Estação:

Avatar

Fernando Galfo

É engenheiro por formação e entusiasta de obras de mobilidade urbana. Utiliza transporte individual na maioria das vezes mas acompanha e sabe da real e urgente necessidade de investimentos em infraestrutura e principalmente em transporte público aliadas com políticas públicas de redução da pendularidade do sistema de transportes

10 comentários

Clique aqui para deixar um comentário

  • Uma pergunta a quem entende mais desse ramo de obras e engenharia:

    Não teria sido mais viável essa estação ter sido construída em superfície ao invés de subterrânea? Assim poupando tempo e economizando.

    Digo isso pois vejo que a um enorme espaço antes da curva que leva ao pátio.

    • Também já pensei nisso,porém, a linha do monotrilho teve um gasto imenso e a linha que não foi totalmente inaugurada já apresenta vários problemas técnicos, é a linha que mais tem ocorrido problemas. Coisas de Brasil. Abço

    • Olá Felipe e amigos do Ferroviando. Acredito que optaram pela estação ser subterrânea em virtude de possível prolongamento até Taboão da Serra. Sendo subterrâneo, gerará redução de custos, por exemplo, com desapropriações. Se fosse uma certeza que Vila Sônia seria a última estação, concordaria contigo pela redução de custo e facilidade. Abs.

  • bom dia, certamente se trata de um plano ambicioso, mais eu acredito se nao houver nenhum impecilio, essa rede do metro de SAO PAULO com 10 linhas, poderar estar concluida ate 2030.

  • São Paulo necessita de um linha na parte de Cotia ou alguma estação beirando a Raposo Tavares porque mora muita gente em bairros costeiros desta região?

Follow on Feedly
error: Hum, não vale copiar né??