Linha 5 Metrô

Mês das mulheres: Linha 5 Lilás conta com 16 operadoras de trens

Operadoras da Linha 5 Lilás (ViaMobilidade)

Responsáveis por transportar diariamente milhares de passageiros por composição, as operadoras da Linha 5 Lilás, com idades entre 19 e 35 anos e os mais dos mais variados perfis, estão seguindo o sonho de operar os belíssimos trens lilás da Frota P. Quem aqui dentre nós nunca quis operar um? Eu já!

Tive apenas uma oportunidade de viajar na cabine de um trem na Linha 5 Lilás em julho de 2017 e a experiência foi incrível.

Mas quem está ali tem uma responsabilidade gigante afinal são 1.500 passageiros em média que são transportados por trem. Já a Linha 5 como um todo transporta diariamente mais de 535 mil passageiros por dia útil.

Operadoras na ViaMobilidade

Para 16 operadoras da concessionária ViaMobilidade, operar os trens, com toda segurança, é uma rotina diária. Elas são a interface com o Centro de Controle Operacional (CCO) e conduzem os mais modernos equipamentos com maestria.

São responsáveis por ativar determinados “PAs” como quando o trem não prestará mais serviço e o desembarque é obrigatório, como na Estação Chácara Klabin.

São responsáveis também por monitorar o sistema do trem, olhar atentamente a plataforma e a via, as câmeras internas da composição. Além disso são elas (e eles) que falam nos alto falantes dos trens as mensagens informando aos passageiros sobre eventuais maiores tempo de parada nas estações. Inclusive até atuar nas falhas. Operar um trem não é simples.

Talvez o mais interessante, na minha opinião, é buscar o trem no pátio e iniciar a “volta” – termo usado para condução do trem realizando a volta completa na linha. Tem que andar bastante no pátio mas eu me sentiria muito importante fazendo esse tipo de trabalho: ligar o trem e começar a conduzi-lo até a plataforma.

Treinamento

Para atuar, as operadoras (e operadores) passam por um treinamento de 60 dias, que inclui parte teórica e prática. Posteriormente vão para a operação assistida por três semanas, acompanhadas por uma/um profissional mais experiente.

De acordo com a Mitt, uma dessas 16 operadoras: “Operar um trem pra mim é uma experiência incrível! Transportar diariamente milhares de pessoas, onde a maioria está indo atrás de seus sonhos, é uma responsabilidade e tanto, e temos que nos atentar para que qualquer falha que ocorra no trem não impeça nossos passageiros de chegar ao seu destino no horário adequado

Um dos responsáveis pelo treinamento das colaboradoras, o supervisor de Tráfego, Raphael Comitre elogia a postura e comprometimento da equipe. “Diria que o treinamento de operador de trem, apesar de ter aulas práticas onde é necessário aplicar força e se sujar, não existe distinção de sexo. Mulheres muitas vezes delicadas demonstram garra no desafio que encaram fazer. E a maioria delas nunca trabalhou na área”, afirma.

Conclusão

A próxima vez que vocês verem uma operadora de trem na Linha 5 Lilás, agradeça-a por realizar esse grandioso e respeitável trabalho. Os operadores também.

E se você operadora/operador ao alinhar na plataforma das estações ver alguém com o cartão do Ferroviando na mão fazendo um “salve” (ou tirando fotos das PSDs), dê um toque na buzina do trem para saber que gostou do artigo!

Feliz dia das mulheres!

Fonte: release de imprensa

Avatar

Fernando Galfo

É engenheiro por formação e entusiasta de obras de mobilidade urbana. Utiliza transporte individual na maioria das vezes mas acompanha e sabe da real e urgente necessidade de investimentos em infraestrutura e principalmente em transporte público aliadas com políticas públicas de redução da pendularidade do sistema de transportes

4 comentários

Clique aqui para deixar um comentário

  • Primeiramente, parabéns pela iniciativa do Ferroviando em parabenizar as mulheres. Lembrando também de que há as condutoras do metrô estatal e do metrô em outros estados. Prestei concurso para o metrô de SP quando conclui o ensino médio pelo sonho de conduzir um trem e, realmente, é uma tarefa, com certeza, gratificante. Hoje, prestaria concurso no metrô para a área econômica por ser a minha atual formação. Segue meus parabéns a todas as mulheres que trabalham no metrô, no transporte em geral( a minha noiva trabalha na KBPX, antiga Transkuba) e a todas as mulheres.

Follow on Feedly
error: Hum, não vale copiar né??